Melhor Software para Gestão da Qualidade! | Tel.: (47) 3209-0581

Blog

Ferramentas para a Gestão da Qualidade que você precisa conhecer

Capa Ferramentas
Sem categoria

Ferramentas para a Gestão da Qualidade que você precisa conhecer

Todo bom gestor sabe que contar com boas ferramentas à disposição é fundamental para que o seu trabalho seja eficaz. E quando essas ferramentas se aliam à praticidade, a gestão flui ainda melhor, mais rápida e mais organizada, permitindo um melhor controle do processo de gestão ou uma melhor tomada de decisão.

Pensando nestes pontos, separamos algumas ferramentas fundamentais para a Gestão da Qualidade que, se você ainda não conhece, precisa conhecer hoje!

As Ferramentas para a Gestão da Qualidade mais conhecidas:

Fluxograma:

Fluxograma

 

É amplamente utilizado em fábricas e indústrias para organizar produtos e processos. É um diagrama feito a partir de gráficos para ilustrar um determinado processo de forma sequencial, prática, objetiva e direta, representado por figuras geométricas que simbolizam uma determinada etapa do processo.

Cartas de Controle:

cartas de controle

Essa ferramenta pode ser utilizada para identificar falhas e monitorar o processo, facilitando que a empresa tenha controle do mesmo e corrija problemas eventuais.

Diagrama Ishikawa (Espinha de Peixe):

diagrama ishikawa

Conhecido pelos dois nomes citados, o Diagrama de Ishikawa mais comum em indústrias (apesar de poder ser utilizado em qualquer segmento), é uma ferramenta utilizada para identificar o motivo de um problema (causa) e qual o seu efeito nos resultados. As causas são divididas em 6 M’s:

  • Métodos;
  • Medidas;
  • Matéria-prima;
  • Mão de obra;
  • Máquinas;
  • Meio ambiente.

A análise é feita em um diagrama que lembra uma espinha de peixe, e por isso ele recebe esse apelido.

Folhas de Verificação:

folhas de verificação gestão da qualidade

É uma das ferramentas mais simples da Gestão da Qualidade. As folhas de verificação (muitas vezes confundida com o “checklist”) costumam ser tabelas ou planilhas usadas para coletar informações com dados sólidos, não precisando de desenhos ou relatórios, economizando tempo. Podem ser uteis para os mais variados tipos de empresas, indústrias, entre outras, para medir a produtividade em um determinado tempo, por exemplo.

Histogramas:

 

histograma

Uma representação gráfica em retângulos de um conjunto de dados coletados para analisar o comportamento de um processo. Mostra a distribuição de acontecimentos registrados em todo o espectro, facilitando a visualização de resultado e a análise de provas para a tomada de decisão da variação de frequências.

Gráficos de Dispersão:

Gráfico de dispersão exemplo

 

O primeiro passo para se traçar um bom gráfico de dispersão é coletar bons dados. O Gráfico de Dispersão é a representação de duas ou mais variáveis organizadas em um gráfico de eixos verticais e horizontais correlacionando causa e efeito. Utiliza-se o diagrama para checar se há alguma possibilidade de as duas variáveis estarem realmente relacionadas.

Diagrama de Pareto:

diagrama de pareto

É uma ferramenta estatística utilizada para identificar quais os itens responsáveis pela maior parte de falhas ou erros. Seu objetivo maior é o de permitir uma visualização e identificação facilitada das causas ou problemas mais importantes, de modo que você consiga prioriza-los e corrigi-los.

Outras ferramentas fundamentais:

5W2H:

5w2h

O nome 5W2H é uma sigla, referindo-se às perguntas (em inglês) que devem ser feitas na aplicação deste método.

Cinco delas começam com a letra W (What, Who, When, Where e Why) – 5W, e duas letras começam com H (How e How much) – 2H.

Após aplicar o método, o gestor tem uma lista de verificação completa (checklist) que contém o trabalho a ser concluído, o motivo da tarefa, o local a ser concluída, o prazo, o orçamento, métodos e o nome do profissional ou equipe responsável.

5S:

5S

A ferramenta 5S refere-se a termos em japonês: Seiri (senso de utilização e descarte), Seiton (senso de ordenação e organização), Seiso (senso de limpeza), Seiketsu (senso de normatização) e Shitsuke (senso de autodisciplina). Esses termos representam 5 etapas consecutivas para organização da empresa e equipe

Cada uma das ferramentas que mencionamos é muito útil para a facilitação do processo de Gestão da Qualidade. Contudo, é preciso saber administrá-las bem para que a ferramenta que deveria gerar facilidades não acabe gerando anda mais complicações e um gasto de tempo desnecessário.

Já pensou em um produto que englobasse as ferramentas mais uteis para Gestão da Qualidade em um só lugar? Com o software 8Quali tudo fica mais agilizado e mais prático.

Converse com nossos especialistas e solicite uma demonstração gratuita.

SOLICITE UMA DEMONSTRAÇÃO

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×
Close Bitnami banner
Bitnami